Diante de tantos dados que podem ser extraídos do uso de social marketing, quais deles são realmente importantes? Confira nossas dicas!

5 métricas para redes sociais

5 métricas para redes sociais

1) Relatório de Canal: Será que estamos gastando nosso tempo e dinheiro nos lugares certos?

A maioria dos e-commerces gasta mais de 6 horas por semana com marketing em redes sociais visando aumentar o público e atrair visitantes. Diante de tantos canais disponíveis, pode ser difícil saber quais estão realmente trabalhando para o negócio e quais estão apenas preenchendo tempo, sem produzir resultados eficazes.

Uma das melhores formas de analisar as métricas é acompanhar quantas visitas, leads e clientes cada canal social individual está gerando.

2) ROI (Retorno sobre investimento): São as mídias sociais que estão gerando clientes para nós?

De acordo com a Adobe, 52% das lojas virtuais citam dificuldades em medir com precisão o ROI como a sua maior fonte de frustração em marketing social. Para alcançá-lo, é preciso ser capaz de relacionar as análises de marketing com um banco de dados de contatos ou CRM. Isso possibilita uma análise mais completa: da atividade de marketing diretamente para a atividade de vendas  para alcançar uma visão completados esforços da empresa.

É preciso observar se o uso de mídias sociais contribui para a estratégia global de marketing para, assim, fazer projeções sobre o que se pode esperar para os próximos meses. Saber isso também permite que a equipe possa definir metas e fazer ajustes quando necessário, a fim de superar os meses anteriores.

 3) Taxas de resposta aos clientes: estamos respondendo aos clientes nas mídias sociais?

Cada dia mais e mais clientes estão usando as redes sociais para levantar questões, expressar frustrações e participar da vida das empresas . Um estudo da NM Insight em 2013 destaca precisamente esta mudança radical. Constatou-se que 1 em cada 3 usuários de mídias sociais prefere entrar em contato com a empresa via Facebook e Twitter do que que por telefone.

Apesar disso, de todos os consumidores que usam as redes sociais para consultas de atendimento ao cliente, apenas 36% afirmam ter o seu problema resolvido de forma rápida e eficaz. Todo o administrador de site ou e-commerce deve acompanhar como os clientes estão mencionando a marca e quantas dessas interações receberam respostas.

4) Oportunidades nas respostas: Será que a nossa equipe de vendas está encontrando e respondendo oportunidades nas redes sociais?

Em uma pesquisa recente, de 511 representantes de vendas, A Guy Vendas Consultoria constatou que 72,6% dos vendedores que utilizam as mídias sociais superaram seus colegas que não a estavam utilizando. Vendas a partir de redes sociais estão crescendo em importância e na eficácia. Dito isto, integrar as mídias sociais na estratégia de vendas é algo complexo, e que exige uma realocação de tempo.

A equipe de marketing digital deve, portanto, ajudar a equipe de vendas, monitorando as interações e encaminhando as questões relevantes e oportunidades para os responsáveis.

5) Alcance e Viralidade: As mídias sociais influenciaram no crescimento de alcance da empresa?   

Esse é um assunto delicado. Facebook, Twitter, LinkedIn, Google+  e praticamente qualquer outra rede social irá mostrar o quão grande é seu público, mas um grande público não garante automaticamente os resultados para a empresa. O que importa é o que o público faz com o conteúdo compartilhado por ela. Mais do que analisar quantos fãs e seguidores a mais se tem mês a mês, é importante avaliar o quão envolvido está o público em compartilhar seu conteúdo, entrar no site ou comprar o produto da loja virtual.

E você?

Quantas dessas métricas que você está analisando ou relatando hoje? Como você classifica em ordem de importância para sua equipe executiva? Comente!