Roberto Martini, CEO da Flag/CuboCC, fez palestra no Media On. (Divulgação)

A palestra do CEO da Flag/CUBOCC, Roberto Martini, no segundo dia do 6º Media On – Seminário Internacional de Jornalismo Online -, provocou polêmica. Segundo o profissional, o jornalismo tende a se tornar uma ciência exata com o incremento em tecnologia e plataformas de mídias sociais para competir com os velhos jornais impressos.

“O futuro da comunicação não está mais sendo desenhado pelos comunicadores, mas sim por engenheiros. Consigo saber todos os cenários, considero métricas de interação com pessoas, e isso é mais exato do que humano”, explicou Martini. Prova desta ideia, para o CEO da Flag/CUBOCC, é que a maior parte dos profissionais do Google e Facebook são engenheiros, e não comunicadores.

No entanto, o especialista acalmou os ânimos ao afirmar que “os robôs não substituirão as pessoas, mas não podemos continuar fazendo as mesmas coisas. Temos que aceitar e abraçar esse cenário”, completou.