Quando falamos em Plataforma em e-Commerce estamos nos referindo à estrutura virtual de sua loja, aquilo que está por trás que é exibido para o usuário. A plataforma é o sistema que permite a adição de seus produtos, configurações de valores, itens disponíveis, valores e promoções e que exibirá as informações ao consumidor que acessar o seu site.

Algumas das principais plataformas de eCommerce disponíveis no mercado: Intershop, Drupal, Demandware, hybris, Magento, Esales, PrestaShop e RBS Change

Algumas das principais plataformas de eCommerce disponíveis no mercado

Dessa forma, escolher a plataforma mais adequada ao seu e-Commerce é tão importante como escolher o prédio adequado para sua loja. É nela que seu cliente irá transitar para encontrar suas mercadorias, buscar informações e realizar a compra.

Costuma-se dizer que a plataforma é responsável por bilhetar o seu cliente. Ou seja, é ela que permite a compra. Por isso planeje bem antes de escolher por algumas das diversas opções disponíveis no mercado. buscando sempre o melhor custo benefício e o planejamento a longo prazo.

Veja algumas dicas do que você deve levar em consideração na hora de escolher uma plataforma para o seu eCommerce:

1. Rapidez e estabilidade
Ser leve, permitindo um rápido carregamento das páginas, imagens e código. Com o Google Developer você pode ter acesso a diversos dados sobre a rapidez da plataforma.

2. Variedade de promoções (fomento à venda)
Oferecer suporte a diversos tipos de promoções e descontos, já que eles são grandes estímulos à venda. Descontos progressivos, cupons, módulo compre 2 leve 3 e descontos de frete por estado são apenas alguns das opções disponíveis nas plataformas mais usadas.

3. Gestão de preço por canal (promoções para determinada mídia)
Capacidade da plataforma de apresentar diferentes preços e condições de pagamento dependendo do canal de chegada do consumidor. Com essa técnica é possível, por exemplo, oferecer um desconto exclusivo para todos os clientes que acessam a sua loja pelo e-mail marketing, ou frete grátis para quem vier de um determinado anúncio no Google Adwords.

4. Kits de Produtos
Possibilidade de combinar produtos complementares em um pacote único, oferecendo algum desconto ou condição especial como estímulo. Um exemplo são os kits onde você compra um celular e a capa de proteção e ganha um descontou ou então uma película grátis.

5. Cálculo de custo e prazo de entrega
É fundamental que sua plataforma ofereça a capacidade de cálculo de frete e prazo ao seu usuário e essa informação deve poder ser acessada de forma rápida e direta. O frete é um dos principais limitadores de compra e, por tanto, deve ser corretamente trabalhado e anunciado ao consumidor.

6. Autonomia de Layout
Você tem diferentes categorias de produtos e não necessariamente precisa utilizar o mesmo layout para todas. Talvez na área de roupas sociais você queira utilizar um comunicação mais sóbria e neutra, já na área de esportes, um layout mais colorido e informal será mais eficiente. Sua plataforma deve oferecer a opção de customizar as páginas para utilizar os apelos estéticos relacionados a cada categoria fortalecendo a experiência de compra do usuário.

Não esqueça também de verificar:

  1. Possui integração com meios de pagamento (MoIP, PagSeguro, PayPal) ou você terá que negociar diretamente com as operadoras bancárias?
  2. Oferece a opção de criar landing pages específicas para promoções ou campanhas especiais?
  3. A plataforma é otimizada para motores de busca (SEO) com URLs amigáveis, metatags e atributos configuráveis?
  4. A plataforma oferece a geração de XML para comparadores de busca como Buscapé e Google Shopping?
  5. Oferece relatórios de venda?
  6. Oferece integração com o Google Analytics?

Verificando essas dicas e funcionalidades, você garante que a plataforma que você está avaliando tem os recursos fundamentais parar seu e-Commerce e que você poderá operar e expandir seu negócio com segurança e solidez no longo prazo.

Em breve publicaremos um novo artigo sobre os tipos de plataforma existente relacionando os prós e contras de cada uma delas.

Até lá!

Plataformas: