Todas as ações em marketing digital precisam ser efetivas e pontuais. Elas devem fazer sentido e visam 2 itens básicos: aumento de vendas e fidelização de clientes. Mas você sabe como agir e tornar sua estratégia ainda mais eficaz?

Neste post, vamos entender melhor como funciona o funil de vendas, qual a sua utilidade e quais técnicas fazem parte de cada uma de suas 5 etapas. Confira!

O que é o funil de vendas?

O funil de vendas usa como base o método do Marketing de Atração, fazendo com que o seu público-alvo busque seu conteúdo, produto ou serviço. Ele tem como metologia 5 ações, que envolvem: atrair, converter, relacionar, vender e analisar. Vamos agora aprender um pouco sobre cada etapa!

funil-de-vendas-inbound-marketing

Atrair

O principal objetivo da fase de atração é gerar tráfego qualificado, ou seja, atrair visitantes para o seu site. Essa é a primeira ação a ser realizada. Aqui, a ideia é atrair pessoas que tenham interesse nos serviços que uma empresa oferece. Esses visitantes provavelmente se tornarão leads, e, futuramente, clientes.

Para isso, antes de mais nada, é preciso saber quem é seu público-alvo. Uma das técnicas de Inbound Marketing que auxilia nesse processo é o estudo de personas, que são seus possíveis clientes ideais. A partir daí, todas as ações que são feitas na sequência visam a atração dessas “personas”, e eles transformam-se em “clientes em potencial”.

Ferramentas úteis: um blog com bastante conteúdo, redes sociais atualizadas e SEO definido e otimizado para mecanismos de busca, como o Google.

atração-funil-de-vendas-bhw

Converter

Gerar tráfego e acesso ao site é o começo de tudo. Porém, não adianta ter um bom número de visitantes se você não conseguir converter essas pessoas em leads (toda oportunidade de negócio para a empresa).

Para isso, é preciso usar as ferramentas certas e adquirir o máximo de informações. É preciso ter ao menos o e-mail do visitante para iniciar o processo de conversão. Para conseguir essas informações de contato, você pode oferecer algo em troca, como um e-book, um artigo, uma análise, etc.

Ferramentas úteis: calls-to-action com botões ou links que incentivam os visitantes a realizarem determinada ação, landing pages (local onde a oferta do call-to-action é finalizada) e formulários (encontrados nas landing pages para serem preenchidos pelos visitantes com os dados mais importantes).

converter-funil-de-vendas-bhw

Relacionar

Aqui, transformamos os leads em consumidores em potencial, ou seja, quando a pessoa decide adquirir o produto ou serviço oferecido. Chegamos nesse ponto graças ao acompanhamento do lead pelo funil de vendas. A empresa faz contato com o lead e envia, geralmente através de um e-mail marketing, um conteúdo exclusivo que seja do interesse da pessoa.

Ferramentas úteis: e-mail, para fazer contato com esse lead e criar uma relação mais próxima e de confiança e workflows, com o intuito de automatizar as várias ações de marketing que virão na sequência.

nutrir-funil-de-vendas-bhw

Vender

Sendo uma ótima ferramenta para a captação de clientes em potencial, o funil de vendas impulsiona a produtividade em prospecções. Por meio deste, a empresa consegue avaliar o que está dando ou não certo, modificando formas de atuação. Assim, a empresa pode agir de forma mais inteligente em suas futuras prospecções agilizando o tempo do negócio.

vender-funil-de-vendas-bhw

Analisar

É a fase final da metodologia, a última das 5 ações do Inbound Marketing. Aqui, falamos basicamente do serviço de pós-venda, que deve ser feito para todos os seus atuais clientes. Assim, eles terão muito mais chances de se tornarem consumidores fiéis e promotores da marca, divulgando o produto ou serviço oferecido para seus amigos, fazendo com que seu nome chegue mais longe.

Ferramentas úteis: investimento em social media, onde a marca pode se propagar mais facilmente e e-mail, já que é interessante informar sobre novidades do mercado, serviços e produtos, promoções, etc.

encantar-funil-de-vendas-bhw

Vale a pena investir em Marketing Digital?

Mesmo após demorar um certo tempo para começar a ser reconhecido e executado no Brasil, os empreendedores estão cada vez mais confiantes na técnica. Segundo uma pesquisa feita pela Rock Content, empresa especializada em marketing de conteúdo, 69% das empresas brasileiras já utilizam o Inbound Marketing em suas estratégias de marketing digital.

A tendência é que esse número só aumente, visto que outras empresas já começaram a ver vantagens no método e nos benefícios que o Marketing de Atração proporciona, principalmente para os setores de marketing e vendas.

 


Quer saber mais sobre o assunto?
Baixe agora mesmo o nosso eBook sobre Marketing de Resultados!