O Facebook anunciou esta semana que começará a prestar mais atenção nos posts caça-clique que aparecem diariamente no News Feed. Com a intenção de melhorar a qualidade dos conteúdos que aparecem na sua timeline, postagens sem relevância, apenas com o objetivo de fazer você clicar no link, vão começar a desaparecer da rede social.

Essa foi a mesma justificativa do Facebook quando mudou seu algoritmo em 2013, jogando o alcance de muitas fan pages pra bem perto de zero. Foi o terror para praticamente todos analistas de mídias sociais. No entanto, agora não há motivo para tanto pânico.

Ter o Facebook determinando o que os usuários devem ou não consumir é uma questão delicada, já que envolve 1,2 bilhão de pessoas no mundo. Como apontado por Bia Granja no youPIX:

“Qualidade é um item subjetivo, por mais que a rede social tente transformar isso em algo quantificável e mensurável por robôs, mas…”

Chega de posts caça-clique!

Mas esta mudança é realmente muito boa. A partir de agora o Facebook vai começar a tirar os considerados posts caça-clique da sua timeline. Você sabe, aquele post com uma chamadinha marota misteriosa que nos obriga a clicar para saber do que se trata. A página do Globo Esporte, por exemplo, é uma das que mais faz isso.

Posts caça-cliques vão (finalmente) sumir do Facebook!

Pra separar o que são posts caça-clique do que é conteúdo relevante, o Facebook irá medir o tempo que os usuários gastam lendo um artigo depois de clicar nele e o quanto você se engaja com o conteúdo através de compartilhamentos ou comentários.

Posts caça-cliques vão (finalmente) sumir do Facebook!

Na visão da rede social, o conteúdo tem mais qualidade se retém a atenção do leitor por mais tempo. Isso será valorizado com uma posição privilegiada no feed.

Isso não significa que qualquer chamada “misteriosa” vai penalizar a sua página. Se você faz esse tipo de postagem, mas mesmo assim os leitores ficam bastante tempo no seu site, o Facebook vai considerar seu post de qualidade.

O que não vai mais rolar serão aqueles posts de sites toscos com conteúdo kibado que vivem apenas disso.