O que seriam das agências de comunicaçãoon e offline – sem os seus designers? Temos que admitir, o setor de criação é praticamente o coração – ou um dos corações – que ajuda a bombear e manter viva essa coisa louca que é trabalhar com a arte de comunicar…  

Mas nem tudo são flores na vida desses profissionais da criação. Por quê? Porque sempre tem alguma coisinha que deixe os designers gráficos pistola. Pode ser uma pane no software, uma atualização surpresa do pacote Adobe ou até um arquivo fora do formato padrão.

Abaixo você confere quais são os pesadelos das nossas designers Yasnaya Yañez e Júlia Nunes. Será que você se identifica com esses temores?

“Estou com medo”. Calma, todos estamos

10 situações que todo designer gráfico já passou

1 – O pesadelo do logo não vetorizado

As vezes o cliente só tem o logo em jpg/png e em baixa qualidade. Aí lá vão os designers se virar gastando tempo e vetorizando o logo – ou usando ele em png e torcendo pelo melhor…

2 – Receber arquivo em .cdr

Na Big, usamos o Illustrator, mas tem gente que, por algum motivo, ainda usa o Corel. E como são programas diferentes um não lê o outro. Quem nunca recebeu um arquivo do Corel e teve que pedir para alguém que ainda usa o software converter o arquivo para PDF?

3 – Quando falta a fonte em um arquivo

Existe algo pior do que abrir um arquivo em outro computador e ele desconfigurar porque a fonte usada não está instalada nele? Então vale o aprendizado de salvar em pacote, que salva as imagens utilizadas e as fontes! Por favor, é um apelo que nossas designers fazem.

Hello darkness, my old friend

Coisas que aprendemos com o mundo do design: a versão final nem sempre é a última

4 – Peça3_v2_agoravai_final.psd

Mil e uma alterações. Sempre tem um cliente que nunca fala tudo o que quer no briefing – o que acaba gerando muito retrabalho, com um vai e volta da peça até a aprovação final. Quem nunca salvou mil documentos no estilo “versão final”, “versão final de verdade” ou “versão final SUPER real”?

5  – O pior filme de terror dos designers gráficos: quando o programa fecha no meio do processo

Uma das coisas mais importantes é sempre salvar o trabalho – mesmo que você não tenha terminado tudo. Isso porque se algo pode dar errado, vai dar. É a Lei de Murphy que praticamente rege o mundo dos designers.

6 – A enquete alheia sobre o seu trabalho

Se você nunca passou pela situação de ter 10 pessoas opinando na frente do seu computador e você ali, escutando e fazendo tudo ao mesmo tempo, então podemos dizer que seu momento com certeza vai chegar. Fique no aguardo.

Conteúdo aprovado. Só falta arrumar algumas coisinhas, tipo TUDO!

7 – A maldição da falsa aprovação

Que designer nunca ouviu a frase: “Aprovadíssimo! O cliente amou! Mas precisa trocar a cor… de tudo”? A maldição da falsa aprovação segue viva entre o meio criativo.

“Esse lugar é amaldiçoado. Amaldiçoado.”

8 – Quando quem opina não entende nada de design

E quando sua mãe, pai, tia, papagaio ou colegas soltam a pérola: “eu não entendo nada de design, mas por que você não troca essa fonte?”. Pior ainda quando a fonte sugerida é algo com um parentesco muito próximo à Comic Sans…

9 – “Pode fazer uma montagem rapidinho para mim?”

As tarefas fura-pauta estão tão enraizadas no dia a dia dos designers gráficos que elas nem furam mais nada. Tem seu próprio tempo reservado na rotina desses profissionais.  

Briefings são feitos para ajudar, mas nem sempre é o caso…

10 – O curioso caso do briefing que de briefing não tinha nada

Um cliente ou uma campanha nova acabam de chegar e você está ansioso, pensando qual vão ser os desafios visuais da vez até que chega o briefing e nele está escrito… criar. E nada mais. Tá certo que o pessoal é criativo, mas não precisamos exagerar, não é?

E aí? O que você achou do desabafo das nossas designers? Você já passou por alguma das situações acima?

Não? Sim? Mais ou menos? Conta para nós nos comentários!


A Big House é uma agência digital que transforma boas ideias em resultado. Atuando com Marketing Digital e desenvolvimento web desde 2011, somos uma equipe multidisciplinar certificada em Inbound Marketing focado nas melhores estratégias digitais. Entre com contato conosco pelas nossas redes, leia o conteúdo no Blog da Big House ou acesse nosso site para conhecer a Big.